DR. MARTENS

11:39

 
 
 
 
 
  

Botas de militar? Sim. Imagem do movimento punk rock? Também.
A ideia brotou da simples necessidade de criar umas botas substitutas das usadas no exército, mais confortáveis e com maior estabilidade.
A necessidade virou tendência. Para eles, primeiro. Para os dois, depois. 
Fizeram parte da minha adolescência. As clássicas. Pretas. Mate. E as castanhas, aquelas que parecem já ter 100 anos de uso. A questão é. Não sei onde param. Mas também não adianta de muito, já que o tamanho delas não acompanhou o meu.
Confesso. Ainda não comprei umas. Mas ando a namorá-las. Seja inverno ou verão. Até porque acho que para passar ao lado da aura pesada que carregam, têm de ser usadas com peças que lhe acrescentem um toque mais leve. Para isso? Vestidos. Calças pelo tornozelo. Camisas. Blazers. 
 É tentar. Ou então não. É só vestir o que apetecer. 
_________________________________________________________________
Combat boots? Yes. They were popular among members of the punk rock movement.
The idea was born from the simple need to create replacement boots for the army, more comfy and more stable.
The need became a trend. For them, first. To both, them.
They were part of my 13's or 14's. The classics. Black. Mate. And brown, those that seem to be 100 years old. The question is i don't know where they stop. But it's no matter, since their size didn't match mine already.
So. I have to tell. I have not bought one of these yet. But i'm in love with them. Winter or summer. Even because i think to go along with the heavy touch, they have to be used with something that add a lighter one. And for that? Dresses. Ankle pants. Shirts. Blazers.
Just try. Or not. Just wear whatever you want.



You Might Also Like

1 comentários